Santuario della Santa Casa

Localizada a 200 km de Roma, a cerca de 3 horas de viagem, na região Marche, está Loreto, a cidade que sedia a Basilica della Santa Casa ( Basílica da Santa Casa ); um dos mais importantes e antigos locais de peregrinação mariana dos católicos.

Eu já estive lá três vezes e é um lugar que toca o coração. A cidade fica no topo de uma colina, com uma vasta paisagem ao redor, caracterizada pelo cultivo da oliveira. O panorama que pode ser apreciado vai desde o mar Adriático até os Apeninos Umbria-Marche.

Local de turismo religioso, Loreto se desenvolveu em torno da famosa basílica que abriga a famosa relíquia da “Casa Santa” de Nazaré, onde, segundo a tradição, a Virgem Maria nasceu e viveu, e onde ela recebeu, do anjo Gabriel, o anúncio do nascimento milagroso de Jesus. Um lugar sacro definido por João Paulo II: “O verdadeiro coração mariano do cristianismo”.

O santuário existe há séculos, foi visitado por cerca de 200 santos, abençoado por diversos Papas, e sua história começa em 10 de dezembro de 1294, quando a casa da família da Virgem Maria foi trazida de Nazaré, crença confirmada por estudos recentes sobre materiais e grafites encontrados no interior. Documentos e escavações arqueológicas confirmam que as paredes da Santa Casa de Loreto foram transportadas em um navio.

          

A caverna ainda é venerada em Nazaré, na Basílica da Anunciação, apesar das três paredes de pedra terem sido transportadas para Loreto quando os cruzados foram expulsos da Palestina. A Santa Casa é composta de um quarto, na verdade, três paredes, construídas com arenitos, parcialmente acabados com uma técnica praticada na Palestina na época de Jesus.

Além da importância religiosa e espiritual do local, podemos incluir a importância artística, pois entre as obras mais valiosas está o revestimento de mármore que envolve as paredes da Santa Casa; a pedido de Júlio II, e idealizado por Bramante em 1507, é considerada uma das maiores obras-primas de escultura da arte renascentista…é é, realmente, um deslumbre!

                                        

A forma da cúpula e da torre sineira da basílica destacam-se pela sua altura e majestade.

Desde meados de 1400, para proteger estas paredes humildes de pedra e para acomodar as multidões crescentes de peregrinos que visitam o santuário sagrado, começaram os trabalhos para a construção deste magnífico santuário.

A praça ao lado do santuário é decorado com uma fonte central, criada em 1600, e do século XVII são os edifícios laterais, como o Palácio Apostólico, também projetado por Bramante.

     

Além disso, o borgo construído em torno da basílica oferece notáveis vistas panorâmicas e abriga a Galeria Fotográfica Municipal da Piazza del Santuario, que abriga as pinturas do magnífico pintor veneziano Lorenzo Lotto.

Como chegar:

De carro são cerca de 3 horas de viagem, saindo de Roma, e tem estacionamentos na rua. No inverno é bem fácil de achar vaga, mas na alta temporada, sinceramente, não sei dizer…

A viagem de trem dura cerca de 5 horas e custa cerca de €20; você deve ir até Ancona, de lá pegar outro trem para Loreto, e chegando na estação de Loreto, fazer uma caminhada de 1,7 km ( ou pegar um táxi, pois a caminhada inclui uma grande escada )

Final da escadaria que leva ao santuário. Pelo percurso tem as estações da via crucis.

De ônibus também são cerca de 5 horas de viagem, o custo é praticamente o mesmo do trem, mas você só chega até Porto Recanati, que fica a 6 km de Loreto, ou seja, também requer um táxi.

One Reply to “Santuario della Santa Casa”

  1. Lugar belíssimo, e de uma emoção ímpar. O silêncio é tanto que sequer se escuta a respiração dos presentes.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *